Neste episódio Wagner e Pr. Tim continuam a analisar o Texto Crítico, comparando-o com a verdadeira Palavra de Deus completa e preservada no Textus Receptus do Novo Testamento e Texto Masorético do Velho Testamento. Veremos como diversas doutrinas são afetadas pelas mudanças no Texto Crítico.

– Os dois tipos de textos em que são baseadas as traduções do Novo Testamento.

– Dois tipos de tradução.

– Nomes pelo quais o Textus Receptus é conhecido.

– A superioridade do Textus Receptus em relação ao Texto Crítico.

– A importância da Doutrina da Preservação no estudo dos textos bíblicos.

– O perigo em seguir as teorias dos defensores do Texto Crítico.

– O texto preservado do Velho Testamento.

– A principal forma pela qual os falsos mestres corromperam a Palavra de Deus.

– A diferença entre “alta crítica” e “baixa crítica” no que se refere à Bíblia.

– Exemplos de textos adulterados no Texto Crítico e, consequentemente, nas versões modernas da Bíblia.

– A resposta certa para o assunto que trata sobre textos bíblicos.

APOSTILA para preencher, CLIQUE AQUI.

Acesse os outros episódios desta séria no seguinte link:

A Melhor Bíblia na Língua Portuguesa

Siga-nos no twitter @bibliaabertaibe

Dúvidas? Mande um e-mail para contato@bibliaaberta.com.br.

 

Post Anterior
Próximo Post